Buscar
  • Helena Marques

Saúde mental e arte de dizer não.


Assistimos extasiados, de um lado o êxito de Rebeca Andrade brilhando ao som do baile de favela, de outro a saída da estrela da ginástica olímpica, Simone Biles no auge da fama.


O que ambas jovens tem em comum, além da história de luta como mulheres negras, em países em que o racismo sistêmico é ainda, mesmo que negacionistas insistam que a exclusão e erotização de corpos femininos, não passem de mimimi?


O percurso de mulheres, para chegarem ao pódio, em qualquer área da vida, implica em resistência, e sobretudo, liberdade em dizer um sonoro sim eu quero, mesmo se a consequência será a sobrecarga, ou um assombroso, não.


Biles falar ao falar não, ao contrário do que dizem, abre mão do que esperam dela e joga a favor do que ela espera de si.


Não ceder as pressões, convenções, respostas prontas ou simplesmente adaptar-se a modelos que não nos cabem, é sim o melhor exemplo de saúde emocional.


A escolha do que desejo e o que desejam para mim, envolve inúmeras perdas, fazer e bancar a diferença.


Helena Marques.

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo